Sábado, 5 de Abril de 2008

Vitória tropeça na Mata Real

 

Vitória volta a empatar em Paços de Ferreira e outra vez nos descontos.
O Vitória não foi além de um empate (2 - 2) na capital do móvel, por culpa de algum azar mas também pelo mérito de uma equipa que, se jogasse sempre desta forma, certamente não ocuparia o penúltimo lugar da Bwin Liga.
O Vitória marcou primeiro num excelente golo de Desmarets, depois de Alan ter feito um bom trabalho no flanco direito. Antes do golo, os vitorianos tinham levado um valente susto (Nilson efectuou grande defesa a remate de William) e souberam desde logo que os pacenses iriam jogar nos limites.
A partir do golo inaugural, o Vitória comandou o jogo e podia ter matado os acontecimentos caso Alan não tivesse desperdiçado uma cabeçada na cara de Peçanha. Até ao intervalo houve tempo para os da casa reclamarem um penalty, mas as imagens televisivas demonstram claramente que Sereno não fez falta.
No reatamento a equipa de Manuel Cajuda optou por congelar a bola e submeter-se ao jogo directo do Paços de Ferreira. Com menor ou maior dificuldade, a defensiva vitoriana foi dando conta do recado daí que o golo do empate tenha surgido sem ninguém o esperar.
Edson cruzou bem da direita e William só teve que cabecear para a baliza do desamparado Nilson.
Com o empate no marcador, o Vitória agitou e procurou o golo que lhe poderia garantir mais três pontos. Um minuto depois da igualdade, Alan voltou a mostrar que a sorte não está definitivamente do seu lado: o brasileiro desferiu um remate fabuloso a 30 metros da baliza que o poste, infelizmente, devolveu.
O Vitória crescia e adivinhava-se que o segundo golo estava para breve. Na cobrança de um livre, em tudo semelhante ao do jogo com a Naval, Desmarets fez explodir os 2 mil vitorianos presentes na Mata Real. Num ambiente de plena festa e euforia, longe estavam os indefectíveis de imaginar que o filme se repetiria uma vez mais.
Há 3 anos Dragoner apontou um autogolo em tempo de compensação, aplicando um dos maiores baldes de água fria de que há memória no Vitória Sport Clube. Hoje, foi Wesley (um ex-vitoriano) quem colocou água na fervura dos vimaranenses. Para mal dos nossos pecados o empate chegaria, outra vez, no soar do gongo.
Ainda assim, é importante reconhecer que também o Vitória já ganhou alguns jogos nos últimos minutos e que esse factor pode pender, de quando em vez, para ambos os lados.
Certo e seguro é que com mais um pontinho na contabilidade, faz bem lembrar uma frase célebre de Manuel Cajuda: "Esta noite voltamos a dormir no segundo lugar".

Crónica in:Site Oficial VitóriaSC

 

 

Ficha de jogo
Paços de Ferreira 2-2 Vitória SC

(Desmarets 14' e 74', William 60' e Wesley 90')

 

Competição: BWinLiga (25ª jornada)
Estádio: Estádio da Mata Real, Paços de Ferreira
Árbitro: Pedro Proença

Paços de Ferreira
Peçanha, Mangualde (Furtado, 79'), Rovérsio, Kiko, Chico Silva, Edson, Pedrinha (Dedé, 64'), Paulo Sousa, Wesley, William e Cristiano (Fábio Paim, 79')
Suplentes não utilizados: Coelho, Luiz Carlos, F. Anunciação e Renato Queiróz
Treinador: José Mota

Vitória SC
Nilson, Andrezinho, Sereno, Geromel, Momha, João Alves, Flávio Meireles, Alan (Moreno, 85'), Ghilas (Fajardo, 89'), Desmarets e Miljan (Roberto, 65')
Suplentes não utilizados: Nuno Santos, Radanovic, Carlitos e Marquinho
Treinador: Manuel Cajuda

Cartões amarelos: Pedrinha (31'), Edson (45'+1), Paulo Sousa (50'), Rovérsio (71'), Kiko (73'), Dedé (78') e Furtado (83')
Cartões vermelhos: -

 

 

Avaliação
(3) Flávio Meireles
Mais uma exibição de luxo do capitão. Correu quilómetros e nunca se deixou ir abaixo.
In:
O Jogo

(7) Flávio Meireles
Também 'arregaçou' as mangas e ocupou muito espaço na zona de meio-campo. Exibição francamente positiva. Muita raça e coragem.
In:
SportDigital

 

Resumo
Veja
aquio resumo do jogo.

publicado por CláudiaBragança às 19:57
link do post | comentar | favorito

.il capitano

Flávio Miguel Magalhães Sousa Meireles
Data de nascimento: 03/10/1976
Altura: 1,87m
Peso: 88 kg
Posição: Médio-defensivo
Número da camisola: 26
Nacionalidade: Portuguesa
Naturalidade: Ribeira de Pena
Residência: Guimarães

Trajectória:
1996/97: Moreirense
1997/98: Moreirense / Fafe
1998/2000: Fafe
2000/2003: Moreirense
Desde 2003: Vitória de Guimarães

.Participe!

Qualquer dúvida, sugestão ou mensagem
que queira deixar neste blog por favor
utilize o nosso e-mail.

 

flaviomeireles26@sapo.pt

.links

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

blogs SAPO

.subscrever feeds