Segunda-feira, 9 de Março de 2009

A mulher do capitão, a propósito do Dia da Mulher


                                                                           Foto: Jornal O Vitória

 

 

«Hoje as mulheres são mais activas»

 

Na sociedade moderna, as mulheres já não vivem à sombra do marido e ocupam cada vez mais um lugar de destaque. A célebré frase "por detrás de um grande homem está sempre uma grande muher" começa a perder-se no tempo e a verdade é que, nos tempos modernos, ela ocupa um lugar ao lado do marido. Assim é com Flávio Meireles e a esposa Teresa. O capitão do Vitória tem ao seu lado uma super mulher. Teresa não se resignou ao papel de "mulher de jogador" e faz do seu dia-a-dia uma verdadeira maratona. "Sou mãe, esposa, dona de casa e tenho o meu emprego no Hospital. Desempenho vários papeis e, em todos, faço o melhor possível. Não sou diferente das outras pessoas, porque hoje as mulheres são mais activas", comentou.
Teresa é socióloga e responsável pelo Gabinete do Utente no Centro Hospitalar do Alto Ave, onde passa grande parte do seu dia. Quando não está a trabalhar, aproveita para fazer aquilo que mais gosta: brincar com os filhos.
"Arranja-se sempre tempo para se fazer o que mais gostamos e o que eu mais gosto é brincar com os meus filhos. Adoro jogar à bola com eles e fazer jogos. Só não sei jogar playstation", contou.
Dedicada aos filhos, Teresa não é diferente com o marido. "Dedico-me muito ao Flávio e estou sempre ao lado dele para lhe dar apoio. Sou a melhor amiga dele", afirmou. A ternura e orgulho com que Teresa fala do marido evidenciam a forte relação entre ambos. E como será o capitão fora do campo? "O Flávio é uma pessoa que está sempre bem-disposto. É uma pessoa muito amorosa comigo e com os filhos", admitiu.
Casados há oito anos, Teresa e Flávio partilham tarefas na educação dos filhos. Porém, quando o capitão parte para estágio as coisas complicam-se. Mas Teresa dá sempre conta do recado. "Quando o Flávio está ausente torna-se mais complicado, pois tenho de ser pai e mãe ao mesmo tempo mas conto sempre com a ajuda da minha mãe. Ela é uma muleta para mim, alguém que me ajuda bastante", constatou.

 

"Não precisamos de um Dia da Mulher"

Na sua vida profissional, Teresa não sente qualquer tipo de preconceito, todavia, reconhece a desigualdade que, por vezes, persiste no mercado de trabalho. "Não posso falar muito, porque trabalho num serviço público mas em conversa com os meus utentes reparo que elas têm mais dificuldade em arranjar emprego. As mulheres engravidam e precisam de mais tempo para tratar de filhos e isso impede que elas estejam tão disponíveis como os homens", disse. A esposa do capitão não se considera feminista nem vê qualquer sentido no Dia Internacional da Mulher. "É verdade que nós somos especiais, mas não precisamos de um dia para fazermos notar", concluiu.

 

Reportagem do jornal O Vitória

publicado por CláudiaBragança às 15:56
link do post | comentar | favorito
|

.il capitano

Flávio Miguel Magalhães Sousa Meireles
Data de nascimento: 03/10/1976
Altura: 1,87m
Peso: 88 kg
Posição: Médio-defensivo
Número da camisola: 26
Nacionalidade: Portuguesa
Naturalidade: Ribeira de Pena
Residência: Guimarães

Trajectória:
1996/97: Moreirense
1997/98: Moreirense / Fafe
1998/2000: Fafe
2000/2003: Moreirense
Desde 2003: Vitória de Guimarães

.vídeos

Veja nonosso canal no You Tube
todos os vídeos relacionados com o Flávio.



Outros vídeos:

Declarações à GuimarãesTV

Reportagem RTP - Trio de Ataque

O capitão mais feliz do mundo

.o que dizem dele...

 

"O Flávio é o melhor
jogador que já treinei"
,

Manuel Machado 

 

"O Flávio é o melhor capitão
que tive em 25 anos de carreira.
Não que os outros não fossem bons,
mas ele é melhor,
porque além de tudo
é um colega."

Manuel Cajuda

 

"Nuno Santos aproveitou a
entrevista do jornal "O Vitória"
para falar de um atleta que o
impressionou pela positiva.
Nuno deixa aqui bem patente a
admiração por Flávio e enaltece
o peso do capitão no balneário:
"Quando cá cheguei, ouvi muitas
pessoas a dizer que o Flávio
estava há demasiado tempo no
Vitória. Dá-me vontade de rir,
porque as pessoas não fazem ideia
da importância do nosso capitão
dentro do balneário.
Ele é grande em tudo.
Transporta a mística do clube, integra
os que chegam, orienta os miúdos
e, além de tudo isto, dá a vida pelo
Vitória.

O Flávio, assim como o Moreno,
devem ser preservados, porque são
eles a alma do Vitória.
São os capitães na verdadeira acepção
da palavra. É um enorme prazer conviver
diariamente com gente desta natureza."
Nuno Santos (Jogador do VitóriaSC)

 

"Há um certo peso naquilo que eu digo,
tal como há no Flávio. Ele é a verdadeira
representatividade da massa associativa
dentro do campo, com o seu espírito guerreiro.
Capitão melhor do que ele não poderia haver,
é um capitão com propriedade porque se trata
de uma pessoa fantástica, um verdadeiro líder
que puxa sempre para cima."
Nilson (Jogador VitóriaSC)

.destaque Revista J

.Participe!

Qualquer dúvida, sugestão ou mensagem
que queira deixar neste blog por favor
utilize o nosso e-mail.

 

flaviomeireles26@sapo.pt

.links

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

.número de visitas

.fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds