Domingo, 9 de Novembro de 2008

Vitória vence Boavista e já está nos «oitavos»


                             Foto: Site Oficial VitóriaSC

 

Crónica

O Guimarães é melhor do que o Boavista, isso era claro antes mesmo do início do jogo, mas foi preciso esperar 45 minutos para que a equipa da Liga Sagres fosse mais forte do que a despromovida na secretaria. Antes do intervalo, nem sequer houve repartição do domínio do jogo: os axadrezados foram melhores, porque eram mais rápidos e mostravam-se mais aplicados. O caso repete-se muitas vezes na Taça de Portugal e muitas vezes sucede como ontem, com a melhor condição física de quem anda no primeiro escalão a ser o pormenor que faz toda a diferença. Gregory, autor, na segunda parte, do golo que abriu o marcador, merecia ser ele a fazer a diferença, porque foi dos poucos jogadores do Guimarães que ainda na primeira parte perceberam o óbvio: qualquer que seja o valor do adversário, é preciso correr. Por ele, o jogo teria sido mais fácil bem mais cedo. A verdade é que apenas se tornou protagonista, quando toda a equipa entendeu a premissa.
Não há apenas demérito axadrezado, até porque Manuel Cajuda, pouco antes do primeiro golo, percebeu que podia ajudar a sua equipa a solidificar o domínio que se tornara óbvio desde os primeiros segundos da parte complementar. Para tal, fez entrar Roberto, mostrando uma vez mais que, entre o sistema que prefere e o modelo de que necessita para ganhar, não hesita em mudar. Com o avançado brasileiro a juntar-se ao compatriota Douglas, o Guimarães tornou-se mais forte a meio-campo e mais perigoso no ataque. Coincidência ou não, os golos surgiram a partir desse momento. Primeiro na sequência de um lance de bola parada, depois graças a uma boa jogada de contra-ataque. Antes de Fajardo decidir o resultado, o Boavista percebera que nada tinha a perder lançando-se para o ataque. E até poderia ter empatado antes do golo de Fajardo, mas a bola cabeceada por João Tomás bateu na barra. O Guimarães da segunda parte, mas essencialmente aquele que passou a jogar com quatro médios e dois avançados, fez a diferença que se adivinhava, mas que demorou a concretizar por culpa própria de uma equipa vitoriana que chegou a parecer fisicamente débil nos primeiros 45 minutos. Afinal, era apenas preguiça.

Crónica de Alcides Freire no jornal O Jogo

 

Ficha de jogo

Boavista FC 0-2 Vitória SC
(Gregory 63' e Fajardo 78')

Competição: Taça de Portugal (4ª eliminatória)
Estádio: Estádio do Bessa, Porto
Arbitragem: Pedro Henriques; Gabínio Evaristo e Hernâni Fernandes; José Gomes

Boavista FC
Pedro Ribeiro, Renato, Bruno Pinheiro, Gilberto, Diogo, Bruno Monteiro, Pedro Moreira (Rodrigo Fuska 81'), Rui Lima (Márcio Tarrafa 81'), Adriano, Sidnei e João Tomás
Suplentes não utilizados: Sérgio Leite, François, Ivan Santos, Benvindo e Djibril
Treinador: Rui Bento
Golos: -
Cartões amarelos: Márcio Tarrafa (87')
Cartões vermelhos: -

Vitória SC
Nilson, Mohma, Gegoy, Danilo (Moreno 65'), Andrezinho (Roberto 55'), João Alves, Flávio Meireles, Luis Filipe (Carlitos 74´), Nuno Assis, Fajardo e Douglas
Suplentes não utilizados: Nuno Santos, Luciano Amaral, Wênio e Tiago Ronaldo
Treinador: Manuel Cajuda
Golos: Gregory e Fajardo
Cartões amarelos: Andrézinho (35') e João Alves (45'+2')
Cartões vermelhos: -

 

Avaliação
A avaliação do capitão, segundo a imprensa

Flavio Meireles - 5
A experiência torna-lhe fáceis a maior parte dos desafios. Nunca se perturbou.
O Jogo

Flávio Meireles - 6
Eficiente na sua acção defensiva. Menos certo e seguro na transposição defesa/ataque.
SportDigital

 

Resumo
Veja aqui o resumo desta partida (GuimarãesTV)

 

publicado por CláudiaBragança às 19:12
link do post | comentar | favorito
|

.il capitano

Flávio Miguel Magalhães Sousa Meireles
Data de nascimento: 03/10/1976
Altura: 1,87m
Peso: 88 kg
Posição: Médio-defensivo
Número da camisola: 26
Nacionalidade: Portuguesa
Naturalidade: Ribeira de Pena
Residência: Guimarães

Trajectória:
1996/97: Moreirense
1997/98: Moreirense / Fafe
1998/2000: Fafe
2000/2003: Moreirense
Desde 2003: Vitória de Guimarães

.vídeos

Veja nonosso canal no You Tube
todos os vídeos relacionados com o Flávio.



Outros vídeos:

Declarações à GuimarãesTV

Reportagem RTP - Trio de Ataque

O capitão mais feliz do mundo

.o que dizem dele...

 

"O Flávio é o melhor
jogador que já treinei"
,

Manuel Machado 

 

"O Flávio é o melhor capitão
que tive em 25 anos de carreira.
Não que os outros não fossem bons,
mas ele é melhor,
porque além de tudo
é um colega."

Manuel Cajuda

 

"Nuno Santos aproveitou a
entrevista do jornal "O Vitória"
para falar de um atleta que o
impressionou pela positiva.
Nuno deixa aqui bem patente a
admiração por Flávio e enaltece
o peso do capitão no balneário:
"Quando cá cheguei, ouvi muitas
pessoas a dizer que o Flávio
estava há demasiado tempo no
Vitória. Dá-me vontade de rir,
porque as pessoas não fazem ideia
da importância do nosso capitão
dentro do balneário.
Ele é grande em tudo.
Transporta a mística do clube, integra
os que chegam, orienta os miúdos
e, além de tudo isto, dá a vida pelo
Vitória.

O Flávio, assim como o Moreno,
devem ser preservados, porque são
eles a alma do Vitória.
São os capitães na verdadeira acepção
da palavra. É um enorme prazer conviver
diariamente com gente desta natureza."
Nuno Santos (Jogador do VitóriaSC)

 

"Há um certo peso naquilo que eu digo,
tal como há no Flávio. Ele é a verdadeira
representatividade da massa associativa
dentro do campo, com o seu espírito guerreiro.
Capitão melhor do que ele não poderia haver,
é um capitão com propriedade porque se trata
de uma pessoa fantástica, um verdadeiro líder
que puxa sempre para cima."
Nilson (Jogador VitóriaSC)

.destaque Revista J

.Participe!

Qualquer dúvida, sugestão ou mensagem
que queira deixar neste blog por favor
utilize o nosso e-mail.

 

flaviomeireles26@sapo.pt

.links

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

.número de visitas

.fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds