Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2008

Pesadelo na Amadora!

 

Crónica
Por muitas voltas que se dê à cabeça, é impossível descodificar o filme a que todos assistiram na Reboleira. O Vitória perdeu por 4 – 1 frente ao E. Amadora, depois de ter estado a ganhar e de enviar 5 (!!!) bolas aos ferros da baliza adversário. Pelo meio, até para o cenário ficar “mais completo”, Geromel meteu a bola na sua própria baliza.
Mas vamos por partes. No primeiro tempo, a equipa de Manuel Cajuda ofereceu um recital de futebol aos presentes – mais um ! – e surpreendentemente chegou ao intervalo apenas a ganhar por 1 – 0. O Vitória incomodou e de que maneira a baliza de Nélson (João Alves atirou ao poste antes do golo de Miljan), o que justificava pelo menos mais um tento no marcador.
Difícil mesmo, é explicar o que se passou na “reentré”. O Vitória voltou com o mesmo estilo, mandão e senhorial, e continuava a ser bem mais perigoso que o Estrela. Miljan desesperou os vitorianos ao acertar no pau com a baliza deserta e, no instante seguinte, chegava o empate por Nuno Viveiros.
Bola ao centro e, trinta segundos volvidos, Desmarets encheu o pé e o destino foi o mesmo de sempre: abençoados postes da Amadora! A incredulidade apoderou-se dos jogadores e pior foi quando Geromel mostrou que é humano: o brasileiro cortou mal um cruzamento e traiu Nilson. A reviravolta estava aí…
A partir daqui, o Estrela recorreu ao velho adágio popular: cada tiro, cada melro. Até o placard assinalar 4 para o Estrela, 1 para o Vitória. Verdades assim doem como tudo mas, como diz Cajuda, o melhor é lembrar Marquês de Pombal: importa enterrar o que está morto e tratar do que é vivo.
In:VitóriaSC

 

Ficha de jogo

Estrela da Amadora 4-1 Vitória SC
( Miljan 36', Nuno Viveiros 51’, Geromel (a.g.) 62’,
Helder Cabral 71’ e Pedro Pereira 85’ )

 

Competição: BWinLiga (15ª jornada)
Estádio: Estádio da Reboleira
Árbitro: Rui Costa

Estrela da Amadora
Nélson, Rui Duarte, Wagnão, Maurício, Hélder Cabral, Fernando, Tiago Gomes, Mateus (Marco Paulo 81’), Nuno Viveiros (Hugo Carreira 75’), Anselmo e N'Diaye (Pedro Pereira 57’)
Treinador: Daúto Faquirá

Vitória SC
Nilson, Andrezinho, Geromel, Márcio, Desmarets, Flávio Meireles, João Alves (Carlitos 64’), Fajardo, Alan (Targino 78’), Miljan e Ghilas (Felipe 69’)
Treinador: Manuel Cajuda

Cartões amarelos: Hélder Cabral (30'), Marco Paulo (66'), Anselmo (69'), Tiago Gomes (74')
Cartões vermelhos: -
.
Avaliação
(2,5) Flávio Meireles
Alma de conquistador, um estilo e uma disposição que já se conhecem. Fez, de cabeça, o passe para o golo.
In:O Jogo

(5) Flávio Meireles
Está no passe para o golo do Vit. Guimarães. Lutou, mas em vão.
In: A Bola

Flávio
O capitão realizou mais uma exibição de grande categoria. A defender e também no auxílio aos processos ofensivos. Foi dos mais atraiçoados pelo incrível resultado final.
In: Desportivo de Guimarães

.
Declarações
"Temos culpa.
Cada vez que o Estrela ia à baliza era golo. Temos culpa, cometemos erros que não podem acontecer. Não esperavamos perder, mas não nos tira confiança."
In:A Bola

"Isto não nos retira confiança"
Flávio preferia jogar mal e ganhar
Flávio Meireles era o rosto da desilusão. Nunca ao intervalo passaria pela cabeça do capitão que aquela segunda parte surrealista fosse possível.
"Logicamente que não esperavamos este desfecho, mais ainda depois de termos ido para o intervalo em vantagem. Fizemos um golo, podiamos ter feito mais e nada previa uma segunda parte assim", sublinhou inicialmente Flávio. "Enviámos uma bola ao ferro mas não marcamos e o futebol é assim. Não 'matamos' o jogo nesse lance e no minuto seguinte sofremos o empate", justificou o médio vitoriano antes de lamentar outra evidência. "De cada vez que o Estrela ia à nossa baliza fazia golo... Temos culpa nisto, porque cometemos erros que não podem acontecer se pretendemos fazer o campeonato que temos feito", sentenciou ainda Flávio.
Confrontado com a exibição positiva que o Vitória, apesar de tudo, fez na Amadora, o capitão respondeu assim: "Jogamos bem, mas prefiro jogar mal e ganhar jogos. A nossa confiança é boa e espero que ela se mantenha. Acredito que não vai ser este jogo a retirar-nos essa confiança nas nossas capacidades".
In: Desportivo de Guimarães

 

Resumo
Veja aqui o resumo do jogo e as declarações do capitão.

publicado por CláudiaBragança às 23:01
link do post | comentar | favorito
|

.il capitano

Flávio Miguel Magalhães Sousa Meireles
Data de nascimento: 03/10/1976
Altura: 1,87m
Peso: 88 kg
Posição: Médio-defensivo
Número da camisola: 26
Nacionalidade: Portuguesa
Naturalidade: Ribeira de Pena
Residência: Guimarães

Trajectória:
1996/97: Moreirense
1997/98: Moreirense / Fafe
1998/2000: Fafe
2000/2003: Moreirense
Desde 2003: Vitória de Guimarães

.vídeos

Veja nonosso canal no You Tube
todos os vídeos relacionados com o Flávio.



Outros vídeos:

Declarações à GuimarãesTV

Reportagem RTP - Trio de Ataque

O capitão mais feliz do mundo

.o que dizem dele...

 

"O Flávio é o melhor
jogador que já treinei"
,

Manuel Machado 

 

"O Flávio é o melhor capitão
que tive em 25 anos de carreira.
Não que os outros não fossem bons,
mas ele é melhor,
porque além de tudo
é um colega."

Manuel Cajuda

 

"Nuno Santos aproveitou a
entrevista do jornal "O Vitória"
para falar de um atleta que o
impressionou pela positiva.
Nuno deixa aqui bem patente a
admiração por Flávio e enaltece
o peso do capitão no balneário:
"Quando cá cheguei, ouvi muitas
pessoas a dizer que o Flávio
estava há demasiado tempo no
Vitória. Dá-me vontade de rir,
porque as pessoas não fazem ideia
da importância do nosso capitão
dentro do balneário.
Ele é grande em tudo.
Transporta a mística do clube, integra
os que chegam, orienta os miúdos
e, além de tudo isto, dá a vida pelo
Vitória.

O Flávio, assim como o Moreno,
devem ser preservados, porque são
eles a alma do Vitória.
São os capitães na verdadeira acepção
da palavra. É um enorme prazer conviver
diariamente com gente desta natureza."
Nuno Santos (Jogador do VitóriaSC)

 

"Há um certo peso naquilo que eu digo,
tal como há no Flávio. Ele é a verdadeira
representatividade da massa associativa
dentro do campo, com o seu espírito guerreiro.
Capitão melhor do que ele não poderia haver,
é um capitão com propriedade porque se trata
de uma pessoa fantástica, um verdadeiro líder
que puxa sempre para cima."
Nilson (Jogador VitóriaSC)

.destaque Revista J

.Participe!

Qualquer dúvida, sugestão ou mensagem
que queira deixar neste blog por favor
utilize o nosso e-mail.

 

flaviomeireles26@sapo.pt

.links

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

.número de visitas

.fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds